Disgrafia

A disgrafia deriva das palavras “dis” (desvio) + “grafia” (escrita) e consiste numa dificuldade no ato motor da escrita.
A criança com disgrafia pode apresentar dificuldades no desenho ou no grafismo da letra (“má letra”).

SINAIS INDICADORES
Diagnosticar a disgrafia, precocemente, não é fácil, uma vez que se trata de uma aprendizagem complexa envolvendo o controle do ato motor da escrita e exigindo o seu próprio treino.
Contudo, existem indicadores para auxiliarem nesse processo:

  • traços exageradamente grossos ou finos e pequenos ou grandes;
  • letras separadas, sobrepostas ou ilegíveis, com as ligações distorcidas;
  • postura gráfica incorreta (dificuldade em utilizar corretamente o lápis/caneta com que escreve);
  • caligrafia, inclinada.
  • letra excessivamente pequena ou grande;
  • grafismo trémulo;
  • espaçamento irregular das letras ou das palavras;
  • borrões;
  • desorganização geral na folha.
© 2019 Intermediar - Espaço Pedagógico e Psicopedagógico. Todos os Direitos Reservados.
Criado por Ipagewebsite